"Sem mais, a vida vai passando no vazio
Estou com tudo a flutuar no rio
esperando a resposta ao que chamo de amor".

domingo, 13 de setembro de 2009

Recomendo

.
Se querem assistir a um filme com um roteiro confuso e ao mesmo tempo comovente, uma atriz em uma atuação ótima e um novato idem, este é o filme.
Sempre tiro lições dos filmes que assisto e sempre choro quando este me faz lembrar alguns casos...
Pairam dúvidas e questionamentos e no final meus pensamentos estão aflorados e eu chorando.
Affff!!! Que raiva quando choro!!!
Fica a resposta: Quando se deixa ser tomado pela covardia, sabe-se que há sofrimentos sobre sofrimentos e é infeliz pelo resto da vida. FATO.
.
Inspirado no romance homônimo, de Bernhard Schlink, o longa-metragem começa na Alemanha em reconstrução do pós-guerra. Michael Berg (David Kross) é um jovem de 15 anos que no caminho para casa passa mal e é ajudado por uma mulher (Kate Winslett). No fim do seu período de convalescência, ele volta à casa dela para agradecer e os dois acabam juntos, na cama. O romance dura o verão e, sempre muito reclusa e até mesmo dura, Hana só lhe pede uma coisa antes do sexo: que ele leia para ela. Daí o título do livro e do filme.
.

3 comentários:

Anônimo disse...

Fica com raiva qdo chora?? afff..paraaaaaaaaa...xD
Bjos
Fran

Pitango disse...

Eu estou louco pra ver esse filme... já saiu em dvd?
Abço
Pitango

Í.ta** disse...

eu acho linda essa história.

gostei do filme.

gostei do livro.
até escrevi sobre eles. rsrs..

tá aqui, ó: http://um-sentir.blogspot.com/2009/06/o-leitor-historia.html

beijo!