"Sem mais, a vida vai passando no vazio
Estou com tudo a flutuar no rio
esperando a resposta ao que chamo de amor".

sábado, 20 de novembro de 2010

DEL

.
Deletar tem sido meu verbo mais presente. Deletar o que há de bom e o que há de ruim em mim. Deletar pra purificar e restaurar e vivificar em nova pessoa....
Deletar pessoas que de mim só querem distância, nada!
Deletar recados, fotos e quaisquer coisas que possam me fazer relembrar um passado muito distante que ainda quer estar presente mas que não vale a pena...
Delete é a tecla especial.
É a solidão que de mim faz parte.
É a minha amiga e companheira que gosto tanto.
É a liberdade que tenho e gosto de ter.
É a passagem pra uma fase que me fará subir...
Subir e não voltar.
.
.

2 comentários:

Í.ta** disse...

é preciso esvaziar para encher novamente.

adorei!

beijos.

Anônimo disse...

Mas serah q deleta realmente?.....ou trasnmuta?

Bjos
Amo-te
Fran.